Diretor da Red Bull quer que pilotos peguem coronavírus para adquirir anticorpos

Helmut Marko disse que ideia não foi bem aceita, mas defendeu infecção como forma de preparação dos pilotos

por Agência Estado

Campinas, SP, 30 - O diretor da Red Bull, Helmut Marko, deu no final de semana uma sugestão curiosa para a equipe durante entrevista para o canal de TV austríaco ORF.

Com o calendário da Fórmula 1 parado pela pandemia do novo coronavírus, o dirigente sugeriu que a escuderia reúna os pilotos e permita que todos se contaminem com a doença para adquirirem anticorpos para o restante da temporada.
Helmut Marko sugeriu que pilotos contraiam coronavírus (Foto: Divulgação)
Helmut Marko sugeriu que pilotos contraiam coronavírus (Foto: Divulgação)

COMO?

Marko citou que o ideal seria montar uma espécie de centro de treinamento, onde os pilotos da Red Bull e da outra escuderia da empresa, a AlphaTauri, pudessem seguir um cronograma de atividades.

"Essa proposta seria a oportunidade ideal para se infectar. Todos eles são jovens homens, com ótima saúde. Dessa forma estariam preparados para o início da temporada, que será bem complicada", disse.

A Red Bull tem como pilotos o holandês Max Verstappen e o tailandês Alex Albon. Na AlphaTauri, os representantes são o francês Pierre Gasly e o russo Daniil Kvyat. A escuderia conta ainda com um time de pilotos de testes, entre eles o brasileiro Sérgio Sette Câmara. A temporada de 2020 da Fórmula 1 teve oito corridas afetadas pela pandemia e só deve começar em junho.

ÓBVIO

Marko afirmou que a sua sugestão não foi bem recebida nas conversas dentro da equipe, porém insiste que a ideia seria a melhor solução para aprimorar de forma coletiva a parte física em vez de os pilotos ficarem parados em casa. "Não tem a possibilidade de melhorar a preparação física durante a temporada. Então, a época ideal para ter uma preparação é agora", comentou.