Volante fala sobre problemas financeiros e má temporada do Sport: 'Mal planejado'

'A gente iniciou com atletas da base, uma mescla, por problemas financeiros, bloqueios na justiça, que não poderia registrar atletas'

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 28 (AFI) - Antes da paralisação, o Sport estava tendo uma má temporada, com má campanha no Campeonato Pernambucano e eliminação na primeira fase da Copa do Brasil. O volante Willian Farias fez uma análise sincera da situação e criticou o planejamento do clube em usar jogadores das categorias de base.

"MAL GERIDO"

“Na minha opinião, foi gerido mal. Mal planejado o ano até agora. A gente iniciou o campeonato com atletas da base, uma mescla, por problemas financeiros, bloqueios na justiça que não poderia registrar jogadores.

A gente treinou a pré-temporada inteira, obviamente fazendo troca de um jogador ou outro, com uma equipe, e iniciamos o Campeonato Pernambucano com outra, justamente pelo problema do bloqueio”, disse ao Portal Futebol Nordeste.

FALSA ESPERANÇA

Ele salientou que a estreia no estadual, por 1 a 1, no clássico com o Náutico fez com que a diretoria e comissão técnica mantivesse os atletas da base, por conta do bom desempenho. Entretanto, as coisas não aconteceram como o planejado e Sport até trocou de técnico, saindo Guto Ferreira e entrando Daniel Paulista.

“E fizemos um grande jogo contra o Náutico (empatou por 1 a 1, na estreia), um clássico, com um monte de menino da base. E o clube achou que poderia jogar com a base, que iria dar conta.

E ficou decidido que jogaria com o pessoal da base, porém como o percurso não estava indo como desejavam, resolveu mudar e isso foi fazendo mal”, acrescentou.

FALTA DE ENTROSAMENTO

Com esse rodízio, Willian Farias afirmou que o entrosamento entre os jogadores não aconteceu e discordou do método.

“Eu, por exemplo, joguei uma, duas partidas com Rithely de oito ou dez que já tivemos. Então acabou que não treinou todo mundo, não entrosamos e todo mundo queria o resultado. E eu acho que não funciona assim”, finalizou.

CAMPANHAS

O Sport foi eliminado na Copa do Brasil ao ser derrotado por 2 a 1 pelo Brusque-SC. No Campeonato Pernambucano, após oito jogos, somou apenas duas vitórias e ocupa a modesta quinta colocação com 11 pontos, metade do líder Santa Cruz.

A primeira fase ainda tem uma rodada para ser realizada e o seis primeiros avançam ao mata-mata. Os dois primeiros vão direto para semifinal e os outros quatro fazem as quartas.