Comandada por técnico de time líder, Seleção FI da 5ª rodada da Série C vem no 4-3-3

Tem um ataque rápido, formado por Salatiel Júnior, do Sampaio Corrêa, Braian Rodriguez, do Juventude e Matheus Carvalho, do Náutico

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 20 (AFI) - A Série C do Campeonato Brasileiro terminou nesta segunda-feira, depois de jogos equilibrados e boas atuações. Como de costume, o Portal Futebol Interior acompanhou todas as partidas e elegeu mais uma edição da Seleção da Rodada. Líder isolado do Grupo A e vindo de três vitórias seguidas, o Ferroviário emplacou dois representantes entre os melhores da rodada.

A equipe é comandada por Marcelo Vilar, técnico do Ferrão. Além disso, tem um ataque rápido formado por Salatiel Júnior, do Sampaio Corrêa, Braian Rodriguez, do Juventude e Matheus Carvalho, do Náutico.

CONFIRA A SELEÇÃO FI DA 5ª RODADA DA SÉRIE C:
Mota (Paysandu);
Everton (Sampaio Corrêa), Camutanga (Náutico), Marcão (Ypiranga)
e Eltinho (Juventude);
Vander (Tombense), Karl (São José) e
Gleidson (Ferroviário);
Salatiel Júnior (Sampaio Corrêa), Braian Rodriguez (Juventude) e Matheus Carvalho (Náutico)

Técnico: Marcelo Vilar (Ferroviário)

Comandada por técnico de time líder, Seleção FI da 5ª rodada da Série C vem no 4-3-3
Comandada por técnico de time líder, Seleção FI da 5ª rodada da Série C vem no 4-3-3

________________________________________________________________________________________

CONFIRA A ATUAÇÃO DE CADA JOGADOR:
Goleiro: Mota (Paysandu)

Foi o nome do jogo no empate com o Volta Redonda por 0 a 0. Defendeu o pênalti cobrado por João Carlos, além de outras defesas que garantiram o empate no Rio.

Lateral-direito: Everton (Sampaio Corrêa)
Fez uma partida bastante sólida, com boa participação defensiva, subidas pontuais ao ataque e na bola parada. Em uma cobrança de falta dele, a bola sobrou para Ulisses fazer o gol do empate por 3 a 3 com o Santa Cruz.

Zagueiro: Marcão (Ypiranga)

Marcão, ao lado do goleiro Deivity, foi um dos destaques do Ypiranga no empate sem gols ante o Remo no Mangueirão. O clube gaúcho entrou para se defender e Marcão deu conta do recado. No início do 2º tempo, o xerifão tirou uma bola em cima da linha. Ramires tocou no canto, Deivity não conseguiu pegar, mas Marcão evitou o gol paraense.

Zagueiro: Camutanga (Náutico)
Segue surpreendendo com atuações muito consistentes. Com vontade de sobra e precisão nos desarmes, foi um dos destaques da vitória por 1 a 0 sobre o Treze.

Lateral-esquerdo: Eltinho (Juventude)
Subiu bastante ao ataque e foi uma das principais armas do Juventude na vitória por 2 a 0 sobre o Boa Esporte. Foi após uma finalização de Eltinho que Braian aproveitou rebote para fazer o primeiro gol.

Volante: Vander (Tombense)
Após começar no banco, voltou do intervalo como titular e fez a diferença. Com apenas quatro minutos em campo, marcou o gol do empate por 1 a 1 com o Luverdense.

Meia: Karl (São José)
Organziou bem o meio de campo do São José e marcou com eficiência. Foi o autor do gol do empate por 2 a 2 com o Atlético Acreano, com um chute forte aos 42 minutos do segundo tempo.
Meia: Gleidson (Ferroviário)
O duelo que valeu a liderança para o Ferrão foi extremamente complicado. Pouco inspirados, os donos da casa tinham dificuldade em criar chances. Entretanto, já aos 36 minutos do segundo tempo, Gleidson fez bela jogada e colocou a bola na cabeça de Edson Cariú, que testou firme para o fundo das redes.

Atacante: Salatiel Júnior (Sampaio Corrêa)
Foi um dos principais nomes em um jogo no qual o Sampaio buscou o empate em três oportunidades contra o Santa Cruz. Marcou o primeiro e o segundo gol da Bolívia Querida.

A equipe é comandada por Marcelo Vilar, técnico do Ferrão
A equipe é comandada por Marcelo Vilar, técnico do Ferrão

Atacante: Braian Rodriguez (Juventude)
Foi muito participativo e decisivo para a vitória por 2 a 0 sobre o Boa Esporte. Além de ter marcado o primeiro gol, ainda participou da jogada que originou o segundo.

Atacante: Matheus Carvalho (Náutico)
Após ficar um bom tempo fora dos planos, ganhou espaço com a chegada de Gilmar Dal Pozzo e correspondeu sendo o melhor em campo e autor do gol da vitória sobre o Treze

Técnico: Marcelo Vilar (Ferroviário)
O Ferrão não jogou bem, mas lutou muito e arrancou o triunfo à força. Muito disso se deveu ao comandante. Antes dos 20 minutos do segundo tempo, já tinha queimado as três alterações, deixando a equipe mais ofensiva. A ousadia surtiu efeito e, aos 36, Edson Cariús testou firme, fazendo o gol que deu a liderança do Grupo A ao time cearense.