Apresentado na Juventus, De Ligt diz que pedido de Ronaldo não fez diferença

O ex-jogador do Ajax vestiu o uniforme no gramado do Juventus Stadium e concedeu entrevista coletiva

por Agência Estado

Campinas, SP, 19 - Depois de chegar a Turim na terça-feira, passar por exames médicos na quarta e assinar contrato na quinta, o zagueiro holandês Matthijs de Ligt foi apresentado oficialmente nesta sexta como novo reforço da Juventus. O ex-jogador do Ajax vestiu o uniforme no gramado do Juventus Stadium e concedeu entrevista coletiva, na qual se disse muito feliz com sua ida à Itália e afirmou que o pedido de Cristiano Ronaldo não fez diferença para que escolhesse o clube alvinegro.

Em junho passado, quando Portugal e Holanda se enfrentaram em Lisboa pela final da Liga das Nações, De Ligt foi chamado pessoalmente pelo atacante para jogar na Juventus. Ao final da partida, o astro português tentou recrutá-lo em uma rápida conversa no gramado do estádio da Luz.

"Naquele momento eu estava tentando decidir qual time jogar. Eu já tinha uma ideia, mas queria esperar um pouco. Eu já tinha quase certeza de que seria a Juventus, mas, obviamente, ver alguém tão grande quanto Ronaldo vir até mim e dizer aquilo foi um grande elogio. Mas não foi isso que fez a diferença na decisão", explicou o jovem de 19 anos.

Apresentado na Juventus, De Ligt diz que pedido de Ronaldo não fez diferença
Apresentado na Juventus, De Ligt diz que pedido de Ronaldo não fez diferença
Por 85,5 milhões de euros (R$ 361 milhões), sendo 75 milhões a serem pagos em cinco anos mais 10,5 milhões por objetivos, De Ligt se tornou o terceiro reforço mais caro da história da Juventus. Só perde para Cristiano Ronaldo, que saiu do Real Madrid no ano passado ao custo de 105 milhões de euros (R$ 443 milhões na cotação atual), e o centroavante argentino Gonzalo Higuaín, vendido pelo Napoli em 2017 por 90 milhões de euros (R$ 380 milhões).

FOI BEM NO AJAX
De Ligt foi o capitão do Ajax na ótima campanha que levou o time de Amsterdã a uma semifinal da Liga dos Campeões da Europa após mais de duas décadas na última temporada, tendo, inclusive, marcado o gol da classificação contra a própria Juventus nas quartas de final.

O defensor afirmou que ser treinado por Maurizio Sarri foi um dos fatores de ele ter tomado a sua decisão. Além disso, o fato da Juventus ser conhecida pela solidez defensiva, ajudou De Ligt a tirar suas dúvidas. "É verdade, falei com Sarri para nos conhecer. Ele é uma das razões que me levou a vir aqui. Eu ouvi muito bem sobre sua filosofia e como ele prepara a linha defensiva", contou. "Por que Juve? O sentimento e os sentimentos que eles transmitiram para mim. Além disso, a Itália é famosa por sua tradição defensiva. Juve é um grande passo para mim", completou.