Zagueiro do Campinense segue 'rival' e apoia protestos: "Lutar pelo que é certo'

Defensor de 25 anos, Victor Melo, também conhecido como Vitão, está na Raposa desde o começo da temporada

por Agência Futebol Interior

Campina Grande, PB, 02 (AFI) - Zagueiro do Treze, Breno Calixto utilizou as redes sociais para se posicionar favorável às manifestações contra o racismo e o preconceito, as quais começaram nos Estados Unidos por conta do assassinato do segurança George Floyd, em Minneapolis.

Ele ainda conclamou outros colegas de profissão a fazerem o mesmo. E ele recebeu apoio de outro zagueiro: Victor Melo, o Vitão, que defende o arquirrival alvinegro, o Campinense. O atleta rubro-negro respondeu a um comentário do trezeano, que havia questionado:

Victor Melo, o Vitão - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação
Victor Melo, o Vitão - Foto: Divulgação
"Jogador não pode falar de política pois foge dos padrões do futebol. Quem foi o retardado que inventou isso? E porquê? Jogadores, meus companheiros, não deixem de expor ideias por causa de seguidores ou torcida. Seu trabalho é em campo. Fora, você é uma pessoa normal como qualquer um".

"Concordo com o Breno Calixto. Nós, e não digo apenas os meus companheiros de futebol, e, sim, todos, precisamos nos posicionar sobre o que está acontecendo com o nosso País e lutar por ele", escreveu Vitão.
"Estamos juntos nessa, guerreiro. Vamos vencer, a revolução está começando de vez agora", respondeu Breno Calixto.
"Vamos, sim, lutar pelo que é certo", completou Victor Melo.