Vila Nova-GO 3 x 0 Imperatriz-MA - Tigre vence, assume vice-liderança e afunda rival

Henan, Caíque e Pablo marcaram os gols do jogo que fechou as disputas da 7ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C

por Agência Futebol Interior

Goiânia, GO, 21 (AFI) - Apenas uma partida fechou as disputas da sétima rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C na noite desta segunda-feira (21). Jogando em casa, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, o Vila Nova-GO não teve problemas para vencer o Imperatriz-MA, pelo placar de 3 a 0 e de quebra, assumir a vice-liderança do Grupo A.

Com o resultado, o time goiano segue com 100% de aproveitamento com os jogos em casa e chega a quatro jogos sem derrota. Com um retrospecto de três vitórias, três empates e apenas um resultado negativo, o Vila Nova aparece na segunda colocação com 12 pontos, dois a menos que o líder Santa Cruz que tem 14. Em um momento totalmente diferente e ainda sem vencer na Série C, o Imperatriz aparece na lanterna da chave com um ponto somado.

PRIMEIRO TEMPO
A partida começou bastante movimentada, com o Vila Nova fazendo jus ao fator casa e fazendo pressão na área do adversário. Tanto que não demorou para o time goiano balançar as redes. Aos 10 minutos, Mario Henrique cruzou na área e Lucas Silva testou para o fundo das redes. Mas, como o atacante estava em posição irregular, o árbitro deu impedimento no lance e invalidou o gol.

Vila Nova vence Imperatriz-MA no fechamento da 7ª rodada da Série C
Vila Nova vence Imperatriz-MA no fechamento da 7ª rodada da Série C

Porém, na segunda tentativa, os donos da casa pularam mesmo na frente do placar. Aos 15 minutos, em uma cobrança de falta ensaiada, Biancucchi recebeu um lançamento e chutou firme. No primeiro momento, o goleiro Henal conseguiu fazer a defesa, mas no rebote, Henan não desperdiçou e colocou a bola para o fundo das redes. Apesar da vantagem, o Vila Nova seguiu em cima.

Aos 29, Henan apareceu na entrada da área e chutou rasteiro. No meio do caminho, Talles ficou com a bola e chutou a queima roupa, mas parou em uma boa defesa de Henal. Aos 35, o goleiro do Imperatriz fez mais uma boa defesa. John Lennon chutou cruzado e o arqueiro se esticou todo para espalmar para fora. Até por conta disso, o primeiro tempo terminou com a vitória parcial do Vila Nova.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o Vila Nova seguiu dominando o jogo e não teve grandes problemas com o Imperatriz, que viveu mais uma noite complicada. Logo aos dois minutos, Mário Henrique cruzou na área e Rodrigo Alves pegou de primeira, mas parou em uma boa defesa do goleiro Henal, que se esticou todo para mandar a bola para fora. Do outro lado, a única jogada de perigo do time visitante veio aos 14. Após cobrança de escanteio na área, Guilherme Garré finalizou com perigo.

Depois disso, o ritmo do jogo caiu um pouco, mas foi o Vila Nova que conseguiu voltar a balançar as redes. Aos 38 minutos, Caíque recebeu dentro da área, se atrapalhou, mas contou com uma bobeada de Léo Rodrigues, que não conseguiu fazer o corte e o atacante chegou batendo para o gol. Nos minutos finais, a partida seguiu movimentada, e ainda deu tempo dos donos da casa fazerem mais um. Aos 46 minutos, Pablo deu um lindo chute no ângulo, sem chances para o goleiro adversário. Sendo assim os goianos venceram por 3 a 0.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado (26) para a disputa da oitava rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro da Série C. Em casa, no Estádio Frei Epifânio, o Imperatriz-MA recebe o Ferroviário-CE, às 17h. Um pouco mais tarde, às 19h, o Vila Nova recebe o Treze-PB, mais uma vez no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
7ª rodada
Data
21/09/2020
Horário
20h00
Local
Onésio Brasileiro Alvarenga - Goiânia (GO)
Árbitro
Vinicius Furlan (SP)

Renda
--
Assistentes
Anderson José de Moraes Coelho e Vitor Carmona Metestaine (SP)

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
Vila Nova-GO: Rodrigo Alves
Imperatriz-MA: Léo Rodrigues, Anderson Cavalo

Gols
Vila Nova-GO: Henan 15' 1T, Caíque 38' 2T, Pablo 46' 2T
Vila Nova-GO
Fabrício;
John Lennon, Donato, Adalberto e Mário Henrique;
Dudu (Pedro Bambu), Pablo e Biancucchi (Alan Mineiro);
Lucas Silva (Rodrigo Alves), Talles (Caíque) e Henan (Rafhael Lucas).
Técnico: Bolivar
Imperatriz-MA
Henal;
Léo Rodrigues, Douglas, Xandão e Makeka;
Carlão (Erthal), Nonato (Vinicius Machado), Jocinei (Edu Amparo) e Judson;
Garré e Cesinha (Anderson Cavalo).
Técnico: Estevam Soares